… não sei o que acontece com certos absurdos… mas, gastar 34 milhões de reais (dinheiro público) em São Paulo com o carnaval é realmente inadmíssivel…  não sou contra o carnaval, mas, trata-se de uma festa do povo, feita pelo povo, e não deveria ter apoio político nessa festa… se somar o que as prefeituras gastam com as festas dos finais de ano, carnaval e outras baboseiras, nenhuma dessas prefeituras estariam na situação que estão… somando a tudo isso o que vão gastar as cidades sede da Copa 2014, estou prenunciando um rombo logo logo… acho que o novo prefeito de São Paulo, por experiência própria, não deveria confundir Escolas com Escolas de Samba… é o mínimo que esperamos… acorda Sr. Haddad…