… uma ligeira impressão me induz a pensar que dia 12 de maio, com a presidência do TSE assumida pelo Dr. Gilmar Mendes, atual Ministro do STF, que o mesmo julgará procedente o cancelamento da presidente pela utilização de “propinas” (vide delações da Lava-Jato) em sua verba de Campanha… ao mesmo tempo isentando o seu vice Temer… aguardemos!!! (rezando…)…